Foi adiada de amanhã, 22/11, para 28/11 a reunião do Conselho de Administração da Petrobrás que discutiria a criação de um mecanismo de reajuste automático para a gasolina e o diesel. Há divergências entre a empresa e o Ministério da Fazenda quanto a regra a ser adotada. O reajuste esperado da gasolina fica para dezembro impactando a inflação somente em janeiro/2014. A presidente não quer a inflação de 2013 maior que a de 2012.

O Congresso Nacional aprovou projeto de lei que altera a LDO de 2013 e permite o abatimento dos investimentos de Estados e Municipios da meta de superávit primário. Com isto, a União fica desobrigada de cobrir as metas fiscais não cumpridas pelas outras instâncias da Federação. Sinal passado pelo governo de que está preocupado com eventual rebaixamento da nota brasileira. Outra sinalização fiscal: Governo parece ter decidido não mais trabalhar pela aprovação de mudança no indexador das dividas de E e M com a União. O PLC já aprovado na Câmara deverá "dormitar" no Senado.

O IPCA-15 de novembro veio em 0,57%, um pouco abaixo da expectativa do mercado. No entanto, no acumulado 12 meses, o índice alcançou 5,78%, um aumento comparado com o mês passado. Além disso, o índice de difusão ultrapassou o nível de 70%, ficando em 70,7%, coisa que não acontecia desde março. Assim como no IPCA do mês passado, mesmo excluindo o grupo de alimentação, que avançou 0,84% e contribuiu com 0,21 p.p. para o índice geral, o índice se manteve alto, em 70,1%. 

A prévia do PIB divulgada pelo Banco Central hoje apresentou uma ligeira queda de 0,01% em setembro na comparação com o mês anterior, na série com ajuste sazonal. O resultado do terceiro trimestre foi de contração de 0,12% em comparação com o trimestre anterior. Esses resultados negativos apenas traduzem o que já vem se observando nos indicadores estruturais, principalmente a atividade da indústria e do comércio, que é o fraco desempenho da economia brasileira neste trimestre. Com essa perspectiva ruim, é difícil que o PIB do terceiro trimestre surpreenda o mercado.

A divulgação recente do PIB do terceiro trimestre de alguns países da Zona do Euro fornece um panorama da situação econômica no continente: A recuperação da atividade ainda é tímida, e as economias mais periféricas do continente como Itália e Espanha tiveram crescimento de -0,1%  e 0,1% na comparação com o segundo trimestre, respectivamente. Na França, o resultado de -0,1% reflete ainda a ausência de reformas, o que pode comprometer o crescimento e a situação fiscal de longo prazo. A Alemanha, depois de péssimo 4º tri em 2012 registrou pela terceira vez um desempenho positivo, acima da média da região: 0,3% contra o trimestre anteri

O Supremo Tribunal Federal (STF) depois de uma seção longa e polêmica determinou a execução imediata das penas impostas para a maioria dos 25 condenados no processo do Mensalão. Dezesseis réus são atingidos pela decisão e 13 deles deverão começar a cumprir a pena tão logo a  ordem de prisão seja emitida. O STF ainda não divulgou oficialmente o nome de todos os condenados que começarão a cumprir pena, mas espera-se que, pelo menos, 11 réus devam ir para prisão em regime fechado e semiaberto. Outros dois cumprirão pena em regime aberto e três terão que cumprir pena alternativa. Segundo a decisão, não serão punidos agora os

O resultado do terceiro trimestre do varejo registrou uma aceleração comparada com o segundo trimestre (passou de 0,8% para 3,2%), enquanto no varejo ampliado houve desaceleração (passou de 1% para 0,2%). O principal responsável por essa desaceleração foi o setor de Veículos e motos, partes e peças, que teve resultados negativos na comparação com o trimestre anterior, de -4,8%, e na comparação com o trimestre do ano anterior, de -1,8%.

O resultado das vendas no varejo divulgado pelo IBGE apresentou crescimento de 0,5% em relação ao mês anterior, o que marca o sétimo crescimento sucessivo do volume de vendas. O destaque no resultado setorial é a atividade de Móveis e Eletrodomésticos, que nos últimos meses tem registrado resultados positivos na comparação interanual, principalmente devido à programas federais como o Minha Casa Melhor. O crescimento no volume comparado com Setembro do ano passado foi de 7,6%, e o acumulado dos 9 meses do ano comparado com o mesmo período do ano anterior é de 5,5%.

O Procurador Geral da República Rodrigo Janot pediu ao STF a execução imediata das penas dos condenados pelo Mensalão, mesmo daqueles que tem direito a novo julgamento para alguns crimes. Argumenta que os que têm embargos a ser julgados tem parte da pena que não pode ser alterada. Existe uma Súmula que permite a execução das penas mesmo com embargos infringentes pendentes de julgamento.

Paralelamente ao STF, a Câmara dos Deputados ameaça adotar uma trajetória distinta através de um parecer da Secretaria Geral da Mesa da Câmara, que diz que o Legislativo não deve cumprir a decisão do STF de cassar imediatamente os mandatos dos parlamentares envolvidos, mesmo se eles forem presos, pois cabe ao Congresso a palavra final. Polêmica Legislativo-Judiciário pode voltar.

    

COMPARTILHE

face link