A 2ª prévia do IGP-M caiu 0,35% em novembro e desacelerou em relação à variação de 0,97% observada no mês passado. O Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA) caiu 0,62% frente a alta de 1,24% no mesmo período do mês de outubro. Os preços dos Bens Finais caíram 0,45%, após alta de 1,04%; se destacou o comportamento do subgrupo combustíveis para consumo, cuja variação passou de 2,87% para -9,53%. O comportamento do subgrupo combustíveis e lubrificantes para a produção, cuja taxa passou de 5,60%para -2,07%, foi o principal responsável pelo recuo observado nos Bens Intermediários (-0,27% contra 2,07% em outubro). A taxa do grupo Matérias-Primas Brutas passou de 0,44% em outubro para -1,24% em novembro. O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) variou 0,11% no primeiro decêndio de novembro, ante 0,48% no mês anterior. O Índice Nacional de Custo da Construção (INCC) subiu 0,28%.

    

COMPARTILHE

face link